Tipos de pele e cuidados recomendados

Pele Normal
pH entre 5.4 e 5.5

É um tipo de pele pouco comum na idade adulta, considerada como ideal e dificultada pelo meio ambiente e stress do quotidiano. Apresenta uma pigmentação uniforme e aspeto aveludado. É bem hidratada, revela uma secreção sebácea e sudorípada equilibrada. Suporta bem sabões e detergente, sem que se verifiquem repuxamentos), tolera razoavelmente a exposição ao sol e resiste bem às alterações climatéricas. Apresenta um brilho mate e poros finos, sem pontos negros.

tome-nota-dos-cuidados-recomendados-para-a-sua-pele
Tome Nota dos Cuidados Recomendados

Limpeza e Desmaquilhagem
– Leite de limpeza para peles normais, cuja percentagem em corpos gordos esteja adaptada ao tipo de pele
– Loção tónica para pele normal

Proteção de Dia
– Creme de dia para peles normais, pouco gordo, equilibrado em relação à película protetora, mantendo a percentagem de hidratação e impedindo a secura da pele devido ao meio ambiente
– Proteção Solar

Tratamento de Noite
– Desmaquilhagem e limpeza da pele
– Creme nutritivo
– Máscara (1 vez por semana)

 

Pele Seca
pH menor que 5.4

A pele seca divide-se em pele seca alipídica e pele seca e desidratada.

Pele Seca Alipídica
É uma pele com falta de gordura e na sua origem pode estar a fraca atividade das glândulas sebáceas, o que pode estar relacionado com fatores genéticos ou exposição excessiva a fatores agressivos do meio ambiente, especialmente o sol, o abuso de álcool ou utilização de produtos dermocosméticos inadequados. Mesmo o contacto repetido com a água pode conduzir a um agravamento de secura da pele. A pele apresenta-se baça, opaca e acinzentada e há sensação de repuxamento após contacto com a água. A pele seca é áspera ao toque, com tendência para descamar, apresenta finas rídulas e facilidade de desenvolvimento de linhas de expressão pronunciadas em torno dos olhos e da boca.

Pele Seca Desidratada
É característica das pessoas idosas e apresenta um aspeto macilento, com escamas, muitas vezes devido à pobre ingestão de líquidos. Tem falta de elasticidade, rugas finas em grande número e a pele é fina e flácida. Verifica-se frequentemente diminuição da secreção sudo-sebácea. Resiste mal aos sabões e à exposição solar e tolera mal as mudanças climatéricas.

tome-nota-dos-cuidados-recomendados-para-a-sua-pele
Tome Nota dos Cuidados Recomendados

– Utilização de dermocosméticos com extratos de plantas e com ação emoliente e hidratante, de modo a suavizar e lubrificar a pele
– Uso de matérias-primas que evitem a evaporação da água (óleos, ceras, glicéridos)

Limpeza e Desmaquilhagem
– Leites adequados a este tipo de peles, com percentagem de corpos gordos que permitam a limpeza, mas mantendo uma generosa camada oleosa
– Loção Suavizante, descongestionante (sem álcool e com princípios ativos humectantes)

Proteção de Dia
– Cremes de ação hidratante e nutritiva, para reforço da película hidrolípica.
– Proteção Solar

Tratamento de Noite
– Creme com efeito na regeneração celular (prevenção de rugas) com elementos gordos
– Máscara hidratante e nutritiva para pele seca (1 a 2 vezes por semana)

 

Pele Oleosa
pH maior que 6.5

A pele oleosa divide-se em pele oleosa hidratada (normal) e pele oleosa desidratada.

Pele Oleosa Hidratada
Pele com aspeto espesso e brilhante, com poros fundos e visíveis, tato untuoso e existência de pontos negros. Secreção sebáceo-sudorípara abundante, particularmente na zona T. É frequente em jovens. Reage bem aos agressores externos (variações climatéricas), assim como ao contacto com sabões e detergentes. Bronzeia com facilidade.

Pele Oleosa Desidratada
Pele aparentemente espessa, de tato untuoso, brilhante e com poros fundos e abertos. A secreção sebácea é aumentada e a sudorípara diminuída. Suporta bem os sabões e bronzeia facilmente. Apresenta tendência para a descamação e formação de rugas. É o tipo de pele mais fácil de tratar a nível dermocosmético, devido à falta de hidratação e ao excesso de gordura, geralmente com um tratamento hidratante adequado.

tome-nota-dos-cuidados-recomendados-para-a-sua-pele
Tome Nota dos Cuidados Recomendados

– Eliminação do excesso de sebo, sem irritar a glândula sebácea, evitando sabonetes muito alcalinos e produtos de limpeza com detergentes agressivos
– Normalizar a secreção sebácea, através de emulsões que restabeleçam o equilíbrio entre ácidos gordos saturados e ácidos gordos insaturados
– Equilibrar a flora microbiana da pele com utilização de extratos de plantas com ação antisséptica
– Evitar a formação de pontos negros, optando por extratos de plantas com constituintes absorventes, anti-inflamatórios e reparadores
– Evitar maquilhagens espessas, que obstruem os orifícios pilo-sebáceos e favorecem o aparecimento de pontos negros

Limpeza e Desmaquilhagem
– Leite de limpeza adequado a este tipo de peles, cuja percentagem em corpos gordos permita a limpeza, sem provocar reação seborreica
– Loção tónica com ação antissética para remover o resto do produto de limpeza e ajudar ao fecho dos poros dilatados

Proteção de Dia
– Creme fluídos de ação hidratante, com capacidade de regulação das secreções
– Proteção Solar

Tratamento de Noite
– Desmaquilhagem e limpeza da pele
– Creme hidratante e equilibrante, com poucos agentes gordos
– Máscara purificante e repousante (1 a 2 vezes por semana)